Segunda, 25 Fevereiro 2019 00:00

Clipping da Indústria – setor de transporte - fevereiro-2019

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

 

 

Transporte : Automotivo, Ferroviário e Naval

.

TOYOTA PROMETE LANÇAR PRIMEIRO CARRO HÍBRIDO DO BRASIL AINDA ESTE ANO

A confirmação foi feita pelo presidente-executivo da montadora na América Latina, Steve St. Angelo, em São Paulo. O modelo ainda não está confirmado, mas o favoritíssimo ao posto é o sedã Corolla, cuja nova geração chega também neste ano.

Toyota projeta novo crescimento após registrar melhor ano no Brasil
Marca japonesa espera vender 219 mil veículos e produzir 225 mil no País em 2019

Em 2018 a Toyota cresceu no Brasil menos da metade do que a média nacional do setor, mas não houve reclamações, pois o resultado foi o suficiente para registrar o seu melhor desempenho de todos os 60 anos da empresa no País, completados no ano passado (foi a primeira operação industrial fora do Japão). Para Steve St. Angelo, CEO da companhia na América Latina, o mais importante é manter o crescimento constante.

CNH Industrial tem lucro líquido 71% maior em 2018

O Grupo CNH Industrial encerrou 2018 com lucro líquido 71% maior, ao reportar ganhos de US$ 1,11 bilhão (ou US$ 0,78 por ação) contra os US$ 651 milhões apurados em 2017. Em seu balanço financeiro, a companhia informa ainda um faturamento de US$ 29,7 bilhões com crescimento em todos os ramos de atuação: transporte, agronegócio, construção e energia, com as marcas Case e New Holland, além de Iveco, FPT Industrial e Magirus.


feiras automotivo ferroviario

 A Ello Consultores, especialista em marketing industrial publica periodicamente o Clipping da Indústria com as boas notícias de cada setor do mercado monitorado pelo portal Feiras Industriais.

Receba um clipping personalizado com as  notícias do seu mercado - clientes - concorrentes? 
Clique aqui para saber mais.


Emplacamentos de veículos pesados avançam 58% em janeiro

Para Fenabrave, segmento consolida crescimento apesar da base baixa
Assim como o segmento de veículos leves registrou crescimento das vendas em janeiro, o setor de pesados também começou o ano com desempenho positivo: no primeiro mês de 2019, os emplacamentos de caminhões e ônibus superaram as 9 mil unidades, aumento de 58,4% sobre igual mês do ano passado, quando o mercado consumiu 5,7 mil unidades. Os dados foram divulgados na terça-feira, 5, pela Fenabrave, entidade que reúne os concessionários.

 Produção de motos começa 2019 com leve alta de 3,4%

A produção de motos em janeiro somou 84,1 mil unidades e registrou pequena alta de 3,4% sobre o mesmo mês do ano passado. As vendas no atacado (das fábricas à rede de revendas) totalizaram 81,6 mil motocicletas, um aumento 13,5% que revela o maior interesse neste começo de ano por parte dos concessionários em renovar seus estoques. Os números são da Abraciclo, entidade que representa os fabricantes instalados em Manaus.

Motos voltam a superar 90 mil unidades após 33 meses

Ano começou embalado, com média diária acima dos 4 mil emplacamentos
A venda de motos começou o ano embalada com 90,7 mil unidades. O setor não superava as 90 mil unidades mensais havia 33 meses. A última vez que isso ocorreu foi em abril de 2016, que teve 93,5 mil motocicletas emplacadas. Este começo de 2019 resultou em alta de 17,8% sobre janeiro do ano passado e foi 7,9% melhor que dezembro de 2018.

Marcopolo investe R$ 70 mi na produção de peças e conjuntos metálicos

Presidente da ZF para a América do Sul, Wilson Bricio tem o desafio de gerenciar a saída da mais intensa crise já enfrentada pela indústria local. Em paralelo, ele precisa liderar a transformação dos negócios da companhia na região para entregar o novo e acompanhar a revolução digital. Nesta edição especial do AB Webinar o executivo foi convidado para comentar os resultados da pesquisa Liderança do Setor Automotivo, realizada por Automotive Business, e falar sobre os próprios desafios à frente da ZF.

Grupo Volvo investirá mais R$ 250 milhões no Brasil

Contratação de 300 funcionários. Aporte será aplicado até o fim de 2020 e é adicional ao ciclo de R$ 1 bilhão que está em curso

O Grupo Volvo anuncia investimento de R$ 250 milhões em suas operações no Brasil entre 2019 e 2020 como aporte complementar ao de R$ 1 bilhão anunciado em 2017 e que ainda está em curso. O recurso adicional contemplará medidas em todos os segmentos em que a companhia atua, desde caminhões e ônibus até máquinas de construção, motores marítimos e industriais, além de sustentar pesquisa e desenvolvimento de novos produtos e serviços.

 


Plastico Brasil2019


 

 

T’Trans que anunciam investimentos de R$ 50 milhões e geração de 700 novos empregos

A empresa T’Trans, do segmento metroferroviário, irá ampliar a atuação de sua base industrial no município de Três Rios. Com investimento de R$ 50 milhões em máquinas e tecnologia, a fábrica irá gerar 700 novos empregos. O anúncio foi feito pelos empresários Sidnei Piva e Massimo Giavina Bianchi em reunião com o prefeito Josimar Salles.

Autopeças faturam 17,4% a mais em 2018

Crescimento do mercado interno e exportações ajudaram indústria local
O faturamento das fabricantes de autopeças cresceu 17,4% no acumulado de 2018 sobre o ano interior. Segundo o Sindipeças, entidade que reúne empresas do setor, o ano foi ajudado pela melhora no desempenho do mercado interno e também pelas exportações, que a despeito da Argentina alcançaram diversificação de mercado e maior volume de transações.

Doria decreta lei que autoriza contratação de financiamentos de R$ 2,3 bilhões para monotrilhos das linhas 15 e 18 e para a CPTM

O governador de São Paulo João Doria promulgou a lei 16.937, de 13 de fevereiro de 2019, que autoriza a captação de R$ 2,32 bilhões de crédito no mercado nacional e internacional, tanto em bancos privados como em instituições públicas e agências de fomento para a linha 15-Prata (monotrilho zona Leste), 18-Bronze (monotrilho do ABC) e 13-Jade (trem do aeroporto de Guarulhos). Com estes empréstimos, o governo do Estado quer finalizar obras, bancar desapropriações e fazer modernizações.

Movimentação de cargas no Porto de Paranaguá cresce 20%

O Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá movimentou em janeiro deste ano 20% mais cargas que em janeiro de 2018. Juntos, os granéis farelo, trigo, soja e milho somaram 1,87 milhão de toneladas exportadas. O maior destaque foi na movimentação da soja: 575.570 toneladas do grão exportadas no primeiro mês de 2019. O volume representa um aumento de 59%. O milho também teve crescimento expressivo. As 259.084 toneladas movimentadas representaram aumento de 50% no período.

 

industria mkt digital

 

.

Ler 426 vezes Última modificação em Segunda, 25 Fevereiro 2019 21:29

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Promoção Ello Consultores

Especialista em Marketing Industrial
www.elloconsultores.com.br
Ello Consultores logo

Assine nossa Newsletter

Top